Jogral Infantil para o Dia das Mães Evangélico

O dia das mães já está quase por aí, mas ainda dá tempo de você providenciar alguma atividade em seu grupo, seja este grupo escolar ou religioso. E investir em jogral para o dia das mães evangélico é ótima opção, para que assim as crianças de sua comunidade religiosa possam interagir de forma positiva com todos.

Montar jogral para o dia das mães evangélico pode ser uma ótima saída para as comemorações do dia das mães (Foto: Divulgação)
Montar jogral para o dia das mães evangélico pode ser uma ótima saída para as comemorações do dia das mães (Foto: Divulgação)

Dicas de Jogral Infantil para o Dia das Mães Evangélico

A seguir um jogral que enaltece todas as qualidades das mães, como a sua dedicação, seu carinho e amor.

Confira também: Peça de Teatro Infantil para o Dia das Mães.

Jogral para o Dia das Mães

Adulto: Estamos aqui para celebrarmos uma data muito importante.  As nossas crianças querem fazer uma homenagem para quem as tem acompanhado nesta estrada da vida. Primeiro, quero fazer algumas perguntas. Crianças, qual é a mulher mais linda mundo?

Crianças: A minha mãe!

Adulto: E quem é a mulher mais inteligente do mundo?

Crianças: A minha mãe!

Adulto: Olha! A mamãe sabe tudo! E quem é a mulher mais cheirosa do mundo?

Crianças: A minha mãe!

Adulto: Mesmo? O papai deve estar contente. E quem se veste mais elegante?

Crianças: A minha mãe!

Adulto: Quem é a mais esperta de todas?

Crianças: A minha mãe!

Adulto: Quem canta melhor nesta igreja?

Crianças: A minha mãe!

Adulto: Vamos pedir uma oportunidade no próximo culto para ela? E quem sabe fazer o papá mais gostoso?

Crianças: A minha mãe!

Adulto: E quem merece todos os beijos e abraços do mundo?

Crianças: A minha mãe!

Adulto: Não precisa dizer mais nada. Olha quem está com tudo nesta igreja. Mamãe escute o recadinho do seu maior fã:

Crianças: Mamãe, eu te amo! Jesus te abençoe!

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

A seguir um jogral sobre as criações de Deus e seus milagres, como o amor das mães.

Jogral Jardim das Flores

Cenário: Jardim com flores (vista as crianças como flores, faça as pétalas ao redor dos seus rostinhos que serão os miolos e a roupa pode ser verde), as crianças deverão compor o cenário, porém devem representar flores que ainda não floresceram, portanto ficarão sentadas ou como você achar melhor.

Personagens: Um (a) jardineiro (a); um anjo; crianças que compõem o jardim e um narrador.

O jogral se inicia com a fala do narrador, enquanto no jardim, o jardineiro anda de um lado para o outro a olhar as suas mudas que não florescem. O narrador não aparece na peça, deverá ficar escondido com microfone.

Narrador: Em um vilarejo bem distante, havia um jardineiro que amava muito a Deus, mas estava tão triste porque ele tinha um jardim que não cresciam flores. Ele andava o dia todo pelo jardim, mas não achava solução para o seu problema. Mas em um belo dia ele recebeu uma visita muito especial.

(entra o anjo)

Anjo: Olá, tudo bem?

Jardineiro: Você é um anjo?

Anjo: Sim! O Senhor Criador me mandou aqui para te ajudar.

Jardineiro: Obrigado, mas acho que você não vai poder me ajudar.

Anjo: Por quê?

Jardineiro: Onde já se viu anjo entender de jardim e flores?

Anjo: Eu posso não entender muito, mas Deus entende, pois foi Ele quem criou todas as coisas, desde um delicado lírio do campo até a mais alta seringueira. E é por isso que Ele é o maior e melhor jardineiro que eu conheço.

Jardineiro: É, eu havia me esquecido da grandeza do nosso Deus, era só pedir que Ele me ajudava.

Anjo: Bom chega de conversa e vamos ao trabalho. Deus me deu algumas sementes, espere que vou buscar.

(o anjo sai)

Narrador: Como alguns de nós o jardineiro se esqueceu da grandeza do nosso Deus, pois é só pedir a Ele com muita fé que Ele nos responde. Mas como Deus sempre pensa em tudo mandou um anjo para ajudar nosso amigo jardineiro. Vamos ver o que aconteceu?

(O anjo volta trazendo as sementes num saquinho)

Anjo: Ajude-me aqui, por favor!

(o anjo despeja as sementes nas mãos do jardineiro)

Jardineiro: Estou indo, estou indo! Como são lindas essas sementes!

Anjo: Agora eu vou embora, já fiz a minha parte.

(o anjo vai embora)

Jardineiro: Até mais seu anjo!

Agora vou cuidar das minhas filhas, preparar a terra, regar, conversar e esperar até que elas floresçam e me faça muito feliz.

(O jardineiro boceja e cai no sono)

(As crianças levantam como se as sementes estivessem florescendo)

Narrador: Algumas sonecas depois

(O jardineiro acorda)

Jardineiro: Nossa, como o meu jardim está florido, meu Deus como são lindas e perfumadas. Obrigado Senhor por cuidar de nós como seus filhos amados. Por que eu amo cada florzinha dessas como se fossem minhas filhas.

Agora o jardineiro fala com as mamães da igreja: (se preferir, divida esta fala entre as crianças, ficará um pouquinho para cada uma).

Mas agora nós temos um recadinho para cada mamãe que está aqui hoje.

Quando Deus colocou aquela sementinha no seu ventre, você preparou a terra, regou e até conversou com ela, fez carícias e já amou profundamente, e esperou durante 9 meses para conhecer aquele pequeno botão.

Então você cuidou, deu banho, viu os primeiros passos, ensinou as primeiras palavras deu as primeiras broncas e ouviu muitos choros, mas valeu a pena, não valeu?

E hoje essas pequenas sementes estão florindo cheias de vigor e de perfume, tão lindas como as suas mães, porque se não fossem elas cuidar de nós poderíamos ter murchado e não estaríamos aqui hoje para contar esta bela história.

E agora este lindo jardim tem um recado.

Todas as crianças: NÓS TE AMAMOS MAMÃE!!!

Você pode usar lantejoulas brilhantes para fazer as sementes, fica legal apagar as luzes da igreja enquanto o narrador fala, capriche no cenário e no figurino.

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)

Estas ideias de jogral para o dia das mães evangélico foram retirada do blog www. evangeliza1.blogspot.com.br e também do blog www.fabriciodaniela.blogspot.com.br.